Karina Korn Arquitetura é referência em reforma de áreas úteis de condomínios residenciais

Hall de entrada da sala com  piso de madeira, paredes rosa com adesivo preto com frase "good vibes only"
Sala de jogos com mesa de pebolim, piso de madeira, paredes em tons claros com adesivos de frases.
O salão de jogos assinado por Karina Korn preza as boas vibrações para a diversão e convívio | Foto: Eduardo Pozella

Com a transformação do mundo imobiliário nos últimos anos, os prédios antigos, com ambientes antiquados e em desuso, perderam atrativo frente à modernidade dos novos edifícios. Mas os condomínios que decidiram não ficar para trás vem repensando e ressignificando espaços, como salões de festas, brinquedotecas, salão de jogos, entre outros. Dar uma nova cara para essas áreas pode parecer, à primeira vista, somente um gasto extra para os proprietários, mas é melhor pensar que esse investimento vai valorizar o imóvel e diferenciá-lo entre as várias unidades disponíveis novas. Atualizar a área comum faz diferença, por exemplo, na venda dos apartamentos.

CONFIRA: VAI REFORMAR A ÁREA COMUM DE UM PRÉDIO? VEJA DICAS IMPORTANTES

Brinquedoteca com mesinhas e banquinhos e piscina de bolinha

Atualmente, uma das preocupações dos condomínios é adaptar essas áreas aos novos comportamentos e necessidades das pessoas, trazendo mais bem-estar e estimulando a convivência. A arquiteta Karina Korn, do escritório Karina Korn Arquitetura, encontrou uma dessas situações. Ela precisou encarar a reforma de um antigo apartamento do zelador, em Perdizes, transformando-o em um salão de jogos descontraído. Para isso, precisou levar em consideração segurança, qualidade de materiais, iluminação, beleza e, é claro, a aprovação do conselho do condomínio.

O primeiro cuidado é estudar cuidadosamente as mudanças e aprová-las em assembleia. É importante que, já na convocação, esteja claro que será debatida a troca de destinação do espaço específico para outro fim. Apresentar o comparativo de gastos é mais que necessário, estipulando tudo o que será comprado. “Para um espaço ser agradável para o uso de todos, o condomínio precisa priorizar a existência desse grupo. Eles serão responsáveis por recolher as informações dos condôminos, compilar e definir o escopo do projeto. Dessa forma, temos um condomínio valorizado e moradores satisfeitos e felizes”, completa Karina. 

As principais solicitações dos condomínios incluem a reforma ou a criação de academias, salões de festas e espaços de churrasqueiras. “Mais do que atualizar um lugar pensando na melhoria estética, temos que pensar na facilidade de manutenção e na alta durabilidade de acabamentos e móveis”, explica Karina. Enquanto o porcelanato e o revestimento vinílico são ótimas soluções para o piso em diversos casos, o laminado melamínico possibilita revestir paredes da cozinha do salão de festas sem quebra-quebra.

salão de jogos com piso de madeira, paredes azul com desenho de games, TV, rack amarela, puff e mesa preta e banquetas de madeira
Hall de entrada de salão de jogos com piso de madeira, paredes azul com adesivos.
Salão de jogos assinado por Karina Korn | Foto: Eduardo Pozella

Alegria e cor são os personagens principais de um salão de jogos. Com o ambiente neutro, que servirá a todas as faixas etárias dos moradores, o foco são as paredes. Desenhos e adesivos são tendência, deixando o salão descolado. A parede pode ser colorida ou branca, garantindo espaço de respiro entre frases divertidas ou de música, além de desenhos e outros tipos de arte, como o grafite. No caso de um salão com vários ambientes, o tom das paredes pode variar, trazendo a unidade estética mantida por esses desenhos.

Para esses ambientes, o foco são jogos clássicos, atemporais e de boa durabilidade, como pebolim e pingue-pongue. “Os consideramos quando há espaço, respeitando as medidas de circulação”, adiciona Karina. Quando possível, fliperama e air hockey também são bem-vindos.

Mesa de jogos
 Foto: Eduardo Pozella

Pensando na interação entre os usuários do salão, é interessante prever locais para guardar jogos de tabuleiros e mesas hábeis para jogá-los. “Em alguns casos, uma solução engenhosa é ter uma mesa com compartimentos para guardá-los”, conta. No caso de um espaço com televisão e videogame, no lugar de um sofá, a arquiteta recomenda o uso de pufes.

Sobre Karina Korn Arquitetura 

O amor por arquitetura e decoração levou Karina Korn a uma jornada de 26 anos dando forma a residências, lojas, consultórios e restaurantes – tanto no Brasil, quanto internacionalmente, com projetos reconhecidos em Tel Aviv e Miami. Formada em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, Karina também se especializou em decoração e design gráfico pela Escola Panamericana de Artes. Seu vasto portfólio conta com passagens em diversas edições da CASACOR, e mostras como a CAD Brasil, Artefacto e Favorita, além de ações sociais no Projeto Casa da Criança, contribuindo para a transformação de abrigos e creches infantis.  

Prioriza sempre o excelente atendimento ao cliente junto à sua equipe multidisciplinar, do projeto ao acompanhamento das obras. Para ela, arquitetura e decoração são muito mais que projetar – significam realizar sonhos. 

Newsletter
Avatar

Lilian Santos

Lilian Santos é formada em Design de Interiores e Marketing, trabalhou durante 07 anos em lojas especializadas em revestimentos, fez diversos cursos e treinamentos do segmento e resolveu pegar todo o seu conhecimento e criar o Revestindo a Casa para compartilhar dicas técnicas, que hoje ajuda milhares de pessoas. Ela desenvolve conteúdos para o digital, treinamentos para empresas do segmento, palestras e consultorias. Ah ela adora dar boas risadas, sempre tenta ver o lado bom das coisas e ama viajar.

Leave a Comment